Banco de Dados Históricos de Desastres Naturais Relacionados a Eventos Climáticos na Baixada Santista
    O PROJETO  |  O INSTITUTO   |  BUSCA   |  EQUIPE   |  AGRADECIMENTOS  |  CADASTRE-SE
  
Sobre o Projeto

     O Instituto Geológico (IG) disponibiliza em seu site, a partir de setembro 2011, o banco de dados de desastres ambientais relacionados a eventos climáticos ocorridos na Baixada Santista/SP no período de 1879 a 2010. Esse banco de dados é um dos produtos do projeto de pesquisa ‘Estudos históricos de eventos climáticos extremos na Baixada Santista – SP’ iniciado em 2009. O objetivo do mesmo é oferecer um meio rápido de pesquisa quanto a eventos climático-meteorológicos causadores de transtornos na infra-estrutura urbana e regional nos municípios de Santos, São Vicente, Guarujá, Bertioga, Cubatão, Praia Grande, Monguagá, Itanhaém e Peruíbe. Nele estão inseridos notícias sobre temporais, trovoadas, tempestades, chuvas intensas, precipitação de granizo, raios, ventanias, maré alta, ressacas, entre outros e seus resultados: alagamentos, enchentes, escorregamentos de encostas ou deslizamentos, corridas de lama, queda de blocos, etc. e se esses eventos provocaram vítimas – mortos, feridos ou desabrigados. Adicionou-se totais diários acima de 50mm e em 72 horas de precipitação pluviométrica e a velocidade do vento, quando disponíveis nos meios eletrônicos de busca.

     Várias foram as fontes de pesquisa: - jornais, tais como A Tribuna de Santos, Diário de Santos, Jornal da Orla, Jornal Diário do Litoral, Expresso Popular, Folha de São Paulo; publicações diversas; instituições de pesquisa, como Fundação Arquivo e Memória de Santos, Hemeroteca Municipal Roldão Mendes Rosa, Pinacoteca Municipal Benedito Calixto, Museu do Café, Instituto Histórico e Geográfico de Santos; portais eletrônicos como o Jornal digital Novo Milenium, o Portal Ecodebate, o Portal do Colégio Universitas, entre outras.

     Busca-se subsidiar a Defesa Civil do Estado de São Paulo em seu atendimento durante desastres naturais, ao público em geral, pesquisadores e técnicos de universidades e órgãos públicos, empresas privadas e estudantes de nível médio e superior.

      Os dados foram organizados em décadas e serão inseridos continuamente até que se alcance o ano de 2010. Do mesmo modo a atualização será contínua na medida em que novas fontes de dados sejam localizadas. A busca pelas informações pode ser feita a partir de dados como dia, mês, ano e década, tipo de evento, fonte de dados, palavras-chave, município e inúmeras notícias são ilustradas com fotos.

A Equipe.
Instituto Geológico
Avenida Miguel Estéfano, 3.900 - CEP 04301-903
Telefone: (11) 5073-5511 - São Paulo - SP - Brasil
Número de visitas: